Blog do Kuramoto

Este blog se dedica às discussões relacionadas ao Open Access

Repositórios Institucionais de Acesso Livre: o que são?

Existem diversas definições para repositórios digitais e respositórios institucionais. Em princípio, a definição de repositórios digitais pode ser estabelecida como um infra-estrutura de banco de dados capaz de armazenar coleções de documentos em meio eletrônico. Nada impede de se chamar um repositórios digital de uma biblioteca digital. São termos sinônimos.
Em 2003,  Clifford Lynch definia repositórios institucionais como:

“repositório institucional baseado em uma universidade é um conjunto de serviços que a universidade oferece aos membros de sua comunidade para a gestão e disseminação de materiais digitais criados pela instituição e seus membros comunitários. É essencialmente um compromisso organizacional para a supervisão deste material digital, incluindo a preservação a longo prazo, assim como organização e acesso ou distribuição.” (Lynch, 2003) (obs.: o link está quebrado, desde o seu original)[1]

Observa-se nesta definição que Lynch situa a questão de repositórios institucionais nas universidades.

Segundo Richard K. Johnson,
“um repositório digital institucional pode se qualquer coleção de material digital hospedada, apropriada ou controlada, ou disseminada por um “college” ou universidade, independentemente de seus propósitos ou procedências.” [2]

Da mesma forma que Lynch, Richard também situa a definição de repositórios institucionais nas universidades. A diferença básica é que Lynch, em sua definição, determina que os conteúdos desses repositórios são produzidos pela comunidade universitária. Richard, no entanto, não faz essa restrição, ele considera que os repositórios institucionais podem ser constituídos de qualquer coleção, ou seja, qualquer tipo de material ou documento.

 

Uma outra definição interessante é apresentada por Raym Crow, consultor do PARC – Scholarly Publishing & Academic Resources Coalition, em seu relatório “The Case for Institutional Repositories: A SPARC Position Paper” publicado em 2002,  que define:

 

Repositórios institucionais – é usado neste paper ou relatório  para dizer que se tratam de coleções digitais contendo a produção intelectual de uma ou mais comunidades universitárias – fornecem respostas a duas questões estratégicas relacionadas às instituições acadêmicas. Esses repositórios:  

 

·        Fornecem um componente essencial à reforma do sistema de comunicação científica – um componente que amplia o acesso à investigação, proporciona maior governança à academia sobre bolsas e auxílios à pesquisa, aumenta a concorrência e reduz o poder de monopólio das revistas científicas, além de trazer economia e reforçar a importância das instituições e bibliotecas que os suportam; e

 

·        Têm potencial para fornecer indicadores concretos sobre a qualidade de uma universidade e demonstrar a relevância científica, social e econômica de suas atividades de pesquisa. Além disso, aumenta a visibilidade da instituição, o seu status e valor público.

 

Ambos os autores, Lynch e Ryam, situam o termo Repositórios Institucionais no contexto da academia e do movimento do acesso livre. E neste contexto, o repositório institucional não permite a inserção de qualquer tipo de documento.

Como a pergunta da enquête 001referia-se apenas a o que vc entende por Repositórios Institucionais de Acesso Livre, o nosso entendimento é de que a esse tipo de repositório só se deve depositar documentos que tenham sido revisado por pares. Esse é o entendimento que o Ibict tem e vai promover a construção de repositórios institucionais utilizando esse conceito. Assim como, o Portal Oasis.Br só coletará metadados em repositórios que tenham essa política. O Portal oásis.Br não coletará documentos em repositórios institucionais que não contemplem essa política.


[1] “a university-based institutional repository is a set of services that a university offers to the members of its community for the management and dissemination of digital materials created by the institution and its community members. It is most essentially an organizational commitment to the stewardship of these digital materials, including long-term preservation where appropriate, as well as organization and access or distribution.” (Lynch, 2003)

[2] “a digital institutional repository can be any collection of digital material hosted, owned or controlled, or disseminated by a college or university, irrespective of purpose or provenance.”

 

Anúncios

dezembro 1, 2008 - Posted by | Sem categoria | , ,

4 Comentários »

  1. Primeiramente quero dar os parabéns pelo seu blog. Infelizmente ainda há muita falta de informação sobre ‘livre acesso’, não só no Brasil como também em alguns países europeus. Sou formada em Biblioteconomia pela Puc-Campinas e actualmente trabalho como bibliotecária numa biblioteca universitária em Portugal. Fiquei muito feliz ao ver seu nome na lista dos oradores da 3º Conferência Open Acess da Universidade do Minho em Braga, na qual vou estar garantidamente presente.
    Cumprimentos,
    Andréa Medeiros

    Comentário por Andréa Medeiros | dezembro 3, 2008 | Resposta

  2. Prezada Andréa,

    obrigado pelo seu simpático comentário. Será um prazer poder te conhecer pessoalmente em Braga.

    Um abraço.
    Hélio Kuramoto

    Comentário por kuramoto | dezembro 3, 2008 | Resposta

  3. Sr. muito bom seu blog. A pouco tempo ouvi falar em Repositorio Digital, nem ao menos sabia que existia esse termo. Agora ficou mais claro em minha mente. Realmente concordo quando é afirmado que pouco sabemos sobre o tema.
    Parabéns e Obrigada

    Comentário por Anna Silva | maio 4, 2010 | Resposta

    • Olá Anna,
      fico contente que as informações que divulgo no blog esteja contribuindo para agregar conhecimentos. Obrigado pelos seus comentários.
      Abraços.
      Kura

      Comentário por kuramoto | maio 4, 2010 | Resposta


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: