Blog do Kuramoto

Este blog se dedica às discussões relacionadas ao Open Access

O caso Aaron Swartz: estopim para discutir o OA e o acesso à informação científica

Infelizmente, é preciso acontecer fatos trágicos, quanto o do desaparecimento de Aaron Swartz, para que e a comunidade se dê conta das dificuldades encontradas no acesso à informação científica. Evidentemente, esta discussão é apenas um dos lados da questão e vou me deter apenas a ela, que é o tema deste blog e das preocupações deste blogueiro. Antes, porém, quero agradecer, também, ao colega Robson Almeida que me forneceu alguns links super interessantes.

Um desses links refere-se ao blog de Raquel Recuero, que fez uma longa discussão da questão que coloquei neste início de post. Vale à pena dar uma conferida. Afinal, o tema do acesso à informação científica é ainda pouco abordado, neste País. Entretanto, feliz ou infelizmente, devido ao triste evento, pude ter o conhecimento de outras pessoas tratando desse tema. Seria oportuno reunir essas pessoas e realizar uma reflexão maior a este respeito. Não tenho idéia de como esse evento poderia ser promovido e realizado mas, desde já, tentarei divulgar e discutir os fatos decorrentes deste evento.

No referido blog, Raquel diz “…todos os acadêmicos têm um compromisso com a sociedade. Sim, porque essa sociedade direta ou indiretamente pagou pela sua formação e pela sua pesquisa. E nesse compromisso está implícito que o seu trabalho precisa circular, precisa estar disponível e as pessoas precisam ter acesso.”.  Mais, ao final do post, Raquel conclui: ” O conhecimento e a pesquisa devem ser livres e nós, acadêmicos, precisamos começar a pressionar as revistas pela liberação do conteúdo online, fazer um esforço pela publicação do nosso material online e incentivar a circulação da produção de pesquisa.E um pequeno passo é colocar aquilo que produzimos disponível.  E procurar publicar em periódicos abertos, sejam eles A, B ou C e pressionar os nossos órgãos de avaliação para que periódicos abertos recebam uma avaliação positiva.”.

Outro fato decorrente desse triste evento, é a criação de um procedimento, em homenagem a Aaron, onde milhares de autores de artigos científicos, de todo o mundo, enviam via twitter, com o hashtag #PDFtribute, seus trabalhos publicados, ou mesmo dissetações de mestrado.  Este procedimento faz com que os trabalhos referenciados por esse procedimento, sejam divulgados em um site no pdftribute.net.

 

 

 

Anúncios

janeiro 18, 2013 - Posted by | artigo | , , ,

1 Comentário »

  1. Não ficou muito claro a que tipo de evento você se referia, ao dizer que seria oportuno promovê-lo para aprofundar a discussão desse assunto, mas dou minha sugestão: assisti recentemente um debate que se deu ao vivo, no Youtube, por meio da ferramenta Hangout do Google, em que cada um dos debatedores e o mediador do debate estavam cada qual em suas casas (foi um debate entre critãos e ateus, se você quiser ir lá conferir, mas deve ter havido outros). Achei o formato bem interessante e que, fora um ou outro pequeno empecilho, funcionou bem, tecnicamente falando.

    Comentário por salenka | janeiro 29, 2013 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: