Blog do Kuramoto

Este blog se dedica às discussões relacionadas ao Open Access

Estudo examina o retorno econômico resultado do acesso livre (OA)

Foi publicado, recentemente (04/08/2010), no sítio SPARC – Scholarly Publishing and Academic Resources Coalition, matéria com o título: NEW STUDY EXAMINES THE ECONOMIC RETURNS OF PUBLIC ACCESS POLICIES.

De acordo com estudos desenvolvidos por John Houghton, no Centre for Strategic Economic Studies da Victoria University, o acesso livre a resultados de pesquisas financiadas por agências de fomento americanos terão retornos econômicos significantemente crescentes em relação ao investimento público em ciência. O estudo, sob o título: “The Economic and Social Returns on Investment in Open Archiving Publicly Funded Research Outputs”., tem como co-autores Bruce Rasmussen e Peter Sheehan, foi lançada no dia 04 de agosto de 2010 pela SPARC.

O financiamento público da pesquisa científica, técnica e médica supõe que o retorno econômico e social para os contribuintes vão exceder o montante do investimento em pesquisa. Uma proposta em tramitação no Congresso americano – o Federal Research Public Access Act, HR 5037 e S. 1373 (FRPAA) – que visa garantir e maximizar o retorno do investimento público, fornecendo acesso livre em linha aos resultados da pesquisa científica financiada por intermédio de 11 agências federais americanas, no mais tardar até seis meses após a publicação em uma revsita. O estudo da Victoria University apresenta uma abordagem para medir o potencial impacto desta política no retorno sobre o investimento público em pesquisa e desenvolvimento (P & D).

O novo estudo examina o efeito das principais variáveis que influenciam o potencial de retorno sobre o investimento a partir desta pesquisa. Estas dizem respeito a ambas as variáveis de acesso aos resultados da pesquisa – incluindo embargos de conteúdo – e da eficiência com que a pesquisa é aplicada na prática. O estudo também define os dados adicionais e desenvolvimento de modelos necessários para uma estimativa precisa do impacto provável da política.

Dependendo do custo estimado de repositórios de dados, estudos preliminares dos modelos sugerem que a promulgação do FRPAA poderia levar a um retorno sobre o investimento público entre quatro e 24 vezes o custo da pesquisa. Dois terços desse retorno seria obtido nos Estados Unidos, com o restante distribuídos para outros países. Nos EUA, o estudo sugere que os benefícios do acesso público possa totalizar entre três e 16 vezes o custo do investimento do público.

Anúncios

setembro 27, 2010 - Posted by | Sem categoria | ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: