Blog do Kuramoto

Este blog se dedica às discussões relacionadas ao Open Access

Nota de agradecimento

Após submeter a minha candidatura a direção do Ibict ao Comitê de Busca constituído pelo Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), e diante de uma ação interna, no Ibict, de colher assinaturas de apoio a uma outra candidatura tomei a decisão de submeter a minha candidatura a avaliação da comunidade científica, assim como da comunidade de informação. Essa avaliação foi desenvolvida por intermédio de uma petição colocada no site www.ipetitions.com/petition/kuramoto.  A minha intenção era divulgar à comunidade a minha candidatura, minhas idéias e conhecer a sua reação. Portanto, é importante esclarecer e ressaltar que esta iniciativa não teve a intenção de fazer qualquer provocação, mas foi sim uma resposta a uma iniciativa interna, no Ibict, de coleta de assinaturas de apoio a uma outra candidatura. Até então estava quietinho em meu cantinho.  Além disso, publiquei um artigo no Jornal da Ciência, no qual eu falo da importância do Ibict desenvolver determinadas iniciativas, no país, as quais vêm se desenvolvendo em alguns pontos do globo terrestre. Essa iniciativa teve a intenção de divulgar idéias e propostas. Em nenhum momento, falei em nome do Ibict, falei aquilo que penso e que deveria ser feito caso tivesse a sorte de ser escolhido diretor do Ibict.

Nesse novo contexto, o Ibict assume um grande e relevante papel que é o de internalizar e promover conhecimentos e tecnologias de forma a contribuir com essa nova forma de fazer ciência. Mas, para isso, não basta absorver e internalizar conhecimentos e tecnologias, é preciso sensibilizar todos os segmentos da comunidade científica quanto à nova forma de se fazer ciência. Algo parecido com o que venho fazendo desde 2003.

Qual não foi a minha surpresa ao ver que mais de 270 assinaturas foram apostas à minha petição e, destas, mais de 160 tiveram a gentileza e iniciativa de fazer comentários. Boa parte dos comentários com palavras de elogios, apoios e expectativas. Evidentemente que fiquei muito lisonjeado, mas, o conteúdo mais relevante que pude extrair ao analisar cada comentário diz respeito às expectativas, dentre as quais, relato abaixo:

  1. Continuar e implantar o acesso livre no País;
  2. Buscar, discutir e estabelecer política de informação em C & T;
  3. Contribuir para o desenvolvimento científico do País;
  4. Melhorar a infraestrutura de TI para ampliar o registro e disseminação da informação;
  5. Contribuir para o desenvolvimento da Ciência da Informação no País;
  6. Contribuir para maior inclusão social e digital;

Coincidentemente, todas as expectativas citadas são contempladas em minha proposta de plano de gestão para o Ibict. A minha proposta de gestão define como prioridade quatro eixos: e-science, pesquisa e ensino de Ciência da Informação, informação para o desenvolvimento e inclusão social.

O eixo e-science engloba as quatro primeiras expectativas citadas.  As outras expectativas se inserem claramente nos eixos restantes. Muito provavelmente o eixo informação para o desenvolvimento não teve mencionado nenhuma expectativa pelo fato de a divulgação da petição ter sido apenas e tão somente no meio acadêmico e de informação. O eixo da inclusão social teve dois comentários. Interessante as colocações relacionadas à inclusão social e digital. Em uma delas o assinante explicitou a sua expectativa da seguinte forma: “Como bibliotecário e leitor de alguns de seus artigo espero apenas salientar que a inclusão social/digital vai além de oferecer espaços de acesso a internet, é uma mudança profunda que possa permitir aos cidadãos  a possibilidade de interferência na construção de conteúdos virtuais, de informação e conhecimento criado pelos cidadão, fazendo-os mais esclarecidos, conscientes e participantes do mundo que vivemos”. Uma outra assinante da petição expressou a sua expectativa enfatizando a necessidade de “maior acesso e socialização do conhecimento”. Os dois comentários fazem apelo  a maior acessibilidade e espaços nos quais se possam compartilhar conhecimentos a uma comunidade maior, incluindo os portadores de alguma deficiências físicas. Essas contribuições vieram ao encontro de minhas idéias relacionadas à inclusão social/digital. O foco na missão do Ibict é uma das premissas a ser adotada em minha gestão do Ibict. Portanto, não se pretende continuar no discurso e desenvolvimento de iniciativas supérfluo-demagógicas, mas desenvolver iniciativas de efetiva inclusão social, aderentes ao foco da missão institucional. O próprio Portal do Ibict deverá refletir tais iniciativas, potencializando o seu uso, também,  por parte dos hoje excluídos, em especial aqueles portadores de deficiência visual. Não dá para falar de inclusão social ou digital e ter o portal de sua própria instituição inacessível, portanto, opaco a estes excluídos, dificultando o acesso aos seus produtos e serviços.

Portanto, agradeço imensamente a todos os assinantes da petição pelo apoio e pelas contribuições colocadas em seus comentários.

Anúncios

maio 31, 2009 - Posted by | Sem categoria

2 Comentários »

  1. Prezado Kuramoto,
    Sempre é importante a participação de pessoas capacitadas na gestão pública. O teu envolvimento e comprometimento com o IBICT pontua para dar o toque de sequencia na politica do IBICT para o acesso livre a informação cientifica brasileira. Anossa torcida continua por ti! Um abraço e até mais,
    Ursula

    Comentário por Ursula Blattmann | junho 1, 2009 | Responder

    • Oi Ursula,

      obrigado pelo apoio de vcs, assim como pelas palavras generosas de carinho.

      Um abraço.
      Kura

      Comentário por kuramoto | junho 1, 2009 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: